Top 10

Não começo nunca a minha lista de 30 jogos marcantes… E até foi bom. Cheguei à conclusão de que se fosse escrever um texto para cada, levaria muito tempo. E se fosse pôr todos no mesmo, ficaria gigantesco.

A nova ideia – e essa sim eu pretendo cumprir – é de um “top 10”. Não veio por acaso, pois no post em que anunciei a intenção de fazer uma lista de 30 jogos, meu amigo Leonardo Sato comentou que é “viciado em fazer listas”, com um único critério: o valor para ele. E, pensando bem, me parece uma ideia interessante – claro que aplicando o critério “valor para mim” (a do Sato, quem tem de fazer é ele…).

Vou, então, postar várias listas de “top 10”. Não defini datas específicas, para não correr o risco de descumprir o cronograma. Mas pretendo começar logo (pois já faz um mês que tive a ideia de fazer uma lista!).

Mudança na lista dos 30 jogos

No dia 1º de dezembro, anunciei que iria escrever uma série de textos falando sobre 30 partidas de futebol que marcaram a História. E que a ideia a princípio era de fazer a lista “pessoal”, mas que tinha preferido ser historiador nessa.

Pois já se passaram quase duas semanas, e nada da série começar. Primeiro, porque ainda nem terminei a lista. Mas tomei também uma outra decisão, a de “voltar atrás”: optei por escrever sobre 30 partidas marcantes para mim. Que podem muito bem ser históricas: já antecipando uma presença na lista, o último Grêmio x Flamengo foi um jogaço, mas também marcante por conta de uma das mais impressionantes manifestações contra um único jogador que já se viu.

A lista das 30 partidas não está definida, devido a um problema: no momento, ela tem 40 jogos. Provavelmente eu me lembre de mais prélios e a aumente, mas o certo é que terei de tomar “medidas de austeridade”.

Mas um aviso: a ideia de escrever sobre 30 jogos históricos “no geral” (ou seja, incluindo os que não vi) não foi enterrada. Apenas adiada.

Quanto a começar a série, espero que isso aconteça o mais rápido possível…

30 jogos históricos

Dia desses, um de meus amigos no Facebook postou um vídeo de um jogo, que era o primeiro de uma série chamada “30 dias de futebol”: a cada dia, falaria sobre um jogo que lembrasse muito alguém, ou que tivesse feito rir, chorar etc.; assim como sobre alguns jogadores e treinadores.

Pensei em fazer a lista e já ir escrevendo os meus 30 textos pro Cão. Mas decidi por algo que considero melhor: simplesmente lembrar 30 jogos históricos, por quaisquer critérios. Uma espécie de “Top 30”, que já cheguei a pensar em fazer apenas para jogos que assisti; mas aí a lista ficaria mais pessoal do que histórica – e nessa estou com mais vontade de ser historiador.

Mas, como tenho o costume de ser honesto, faço questão de lembrar que “tenho lado” nessa: leia-se “sou gremista”. Poderia simplesmente excluir todos os jogos envolvendo o Grêmio, mas isso não faria a minha lista ser “imparcial” – pois teria assim de partir do pressuposto de que “jogo do Grêmio não vale”. Sem contar que dentre os 30 jogos (que ainda não listei), haverá pelo menos um Gre-Nal.

Em breve, começo a postar sobre os jogos. A ordem será cronológica, pois não é possível definir qual partida é mais histórica: cada uma delas teve muita importância no momento em que foi disputada.