O Dia dos Pais nas famílias de muitos Amarildos

Meu irmão e eu passamos boa parte do dia de hoje com nosso pai. Lembramos histórias do passado, comemos uma feijoada, enfim, convivemos bastante neste domingo.

Muitas pessoas não tiveram a mesma oportunidade. São casos de pais que moram longe, já morreram… Ou simplesmente desapareceram.

O último caso é o dos filhos de Amarildo Dias de Souza, que no dia 14 de julho foi levado por policiais à UPP da Rocinha e nunca mais foi visto. Desapareceu, como tantas outras pessoas que foram vitimadas pela brutalidade da polícia brasileira.

amarildo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s