Foi bom enquanto durou

No dia 11 de maio, comentei que “o Grêmio está de chorar, mas ganhou!”. Referência à vitória sobre o São Paulo, no Morumbi, no dia anterior, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Afinal, o time vinha de duas eliminações consecutivas, em pleno Olímpico: em 6 de abril fora eliminado do Campeonato Gaúcho pela ex-filial Juventude ao perder por 3 a 2 um jogo que podia empatar, e no dia 9 fora despachado da Copa do Brasil nos pênaltis pelo Atlético-GO. Tais fatos, somados a um período ruim de treinamentos para o Brasileirão, faziam a torcida temer (e os colorados sonharem) que o Grêmio se limitaria a lutar pela permanência na Série A.

Mas, ao contrário do que se esperava, o Tricolor fez um excelente campeonato. Nem o gremista mais otimista imaginava que o time brigaria pelo título até a antepenúltima rodada. Claro que ficou perceptível que o Grêmio não tinha um grupo em condições de ser campeão, e também que o campeonato não foi perdido ontem, contra o Vitória. Ainda mais se considerarmos que o virtual tricampeão São Paulo perdeu seis pontos para o Grêmio – três no já citado jogo de maio, e mais três aqui em Porto Alegre.

O Grêmio deixou de ser campeão naqueles jogos em que que os três pontos eram quase certos, mas não vieram:

  • Vasco 2 x 1 Grêmio: lá no começo do campeonato, lembro de ter comentado que os três pontos perdidos nesse jogo poderiam fazer falta no final;
  • Náutico 1 x 1 Grêmio: o empate no último segundo do jogo fez lembrar a Batalha dos Aflitos, mas a vitória era obrigação, ainda mais contra um adversário que luta contra o rebaixamento;
  • Grêmio 1 x 2 Goiás: o Tricolor terminou o primeiro tempo ganhando e acabou perdendo de virada;
  • Atlético-PR 0 x 0 Grêmio: desta vez, a vitória poderia ter vindo se um pênalti claro para o Grêmio ao final do jogo tivesse sido marcado;
  • Portuguesa 2 x 0 Grêmio: foi literalmente um jogo de dar sono, cheguei a cochilar durante o primeiro tempo;
  • Grêmio 1 x 1 Figueirense: um dos piores jogos que já assisti no Olímpico.

Nestes jogos, o Grêmio perdeu nada menos do que 15 pontos. O que quer dizer que o time poderia estar com o título garantido há várias rodadas, e mesmo perdendo para o Vitória ontem teria 81 pontos, 10 a mais do que o São Paulo, que tem 71.

Anúncios

27 respostas em “Foi bom enquanto durou

  1. Bah camarada Rodrigo jogou a toalha? KKK
    Ñ acredita mais na “imortalidade” do Segundino? KKK

    Ñ te falei q íamos entregar pro Flu? Até o Wellington Monteiro foi liberado pelo Colorado pra jogar. Adivinha qual ñ foi a contrapartida exigida? Pelo jeito teremos de cobrar a dívida com o Goiás em outra oportunidade KKK

    Ah… e te cuida com o G4 pq vamos entregar pro Cruzeiro tb! KKK

  2. No Grêmio eu acredito, é claro! Só não acredito que o São Paulo vá perder as duas que faltam… Se o Grêmio dependesse só de seus resultados, eu teria CERTEZA do título!
    Entregar pro Cruzeiro? Já entregaram pro Goiás ano passado, pro Flu ontem… Isso é atitude antidesportiva.

  3. Já entregamos pro Cruzeiro no 1º turno (gol contra e pênalti pra fora KKK); pro SP (o Dagoberto passou no meio de 4 jogadores sendo q o Bolívar deu o ladinho pra ele)… KKK

  4. Meu nome é Alex Primo e sou professor do programa de pós-graduação em Comunicação e Informação da UFRGS. Estou realizando uma pesquisa sobre blogs de Porto Alegre. Gostaria muito de poder contar com sua presença em uma entrevista em grupo que realizarei na Faculdade de Comunicação da UFRGS na próxima quinta-feira, 4 de dezembro, às 19h. Posso contar com sua participação? Por favor responda para limc arroba ufrgs.br

    Abraços,

    Alex Primo
    Professor PPGCOM/UFRGS
    – Blog: http://alexprimo.com
    – Livro: http://www.ufrgs.br/limc/livroimc/
    – Laboratório de Interação Mediada por Computador: http://www.ufrgs.br/limc

  5. Há muito eu digo: o Grêmio tem a maior torcida disparado do RS, são 10 milhões. 6 milhões torcem a favor, os outros 4 torcem contra. Estes, depois disso é que vão torcer pelo moranguinho, seu segundo time.

    Incrível. é só escutar as entrevistas de seus dirigentes e torcedores na saída ou na entrada do seus jogos. O Tricolor é sempre pauta. Comparem com os jogos do Grêmio, ouçam. As menções ao interzinho são raras e somente quando este tem algo a se relacionar com o Tricolor em um campeonato.

    Está aí mais uma falácia gaudéria, a de que um time precisa do outro. Mentira! O Tricolor não precisa do time do aterro coisa nenhuma. Já eles não vivem sem a gente…

    Coisas da vida, como diz o Feil.

  6. Se esqueceu dos greNAIs Rodrigo? Foi o Inter que tirou o título de vcs… Grêmio fez só 1pt em 6 disputados… Ah, e se não fosse o juiz do primeiro jogo, teriam um pt a menos ainda…

    Vamô, vamô Inter!!!!! Rumo ao único título que falta na galeria de troféus!!!!

  7. Nos GREnais, o Grêmio fez um ponto em dois que eu imaginava que faria – tudo apontava para mais um empate naquele último, que foi um aborto da natureza.
    “Ah, e se não fosse o juiz do primeiro jogo (…)”. Depois dizem que nós somos chorões… O Renan deu uma voadora no adversário e o juiz não tinha que dar nada! Conta outra, Vini!

  8. Guga: faz duas semanas q a torcida do Segundino e seus dirigentes andam preocupados com o Colorado mesmo estando em 2º no Brasileiro, a pto de enviar representante a Conmebol na reunião de ontem devido a trapalhada dos peruanos q poderia resultar em vaga na Libertadores e vc vem dizer q nós é q nos preocupamos com seu timeco de Série B?
    O Grêmio é um São Caetano com grife: time tradicionalmente de Série B q de vez em qdo dá uma ciscadinha em competição de Série A mas q no final acaba entregando a rapadura! KKK

    Camarada Rodrigo: esqueceste do pênalti escandaloso ñ marcado no Nilmar no Grenal referido pelo Vinicius? Relembrando: ele foi puxado pelo colarinho na FRENTE do juíz q ñ marcou.

  9. 1) Quanto à tal representação do Grêmio na reunião da Conmebol: é para decidir quanto à Libertadores de 2009, que o Grêmio provavelmente participará – ao contrário do Inter… E nas últimas duas semanas, nossa maior preocupação tinha sido o Campeonato Brasileiro – e continua sendo, já que a vaga na Libertadores ainda precisa ser confirmada.
    2) “O Grêmio é um São Caetano com grife: time tradicionalmente de Série B (…)”. Até já podemos dizer que em 39 edições (1971-2009) o Grêmio participa da Série A em 37, ficando de fora só em 1992 e 2005. Foi campeão em 1981 e 1996, vice em 1982 e provavelmente em 2008, várias vezes terceiro, quarto… Ou seja, bem superior ao São Caetano. E se é para falar de “grife”, podemos dizer que o Inter é um Once Caldas com grife, já que só chegou a duas decisões de Libertadores (1980 e 2006), enquanto o Grêmio disputou quatro finais (1983, 1984, 1995 e 2007).

  10. Não sei porque reclamam tanto.
    No início do ano a preocupação era não cair de novo. Estou errado? Lembro que o Roth foi treinar o time na primeira partida (SP) sem saber se voltaria como treinador e todos reconheciam que o time era fraco.
    OK, fizeram contratações depois, mas o time montado era para que o Roth montasse um esquema para não cair.
    Lembro que comentei isso aqui: “com o Roth, certamente o Grêmio não corre riscos de cair novamente”.
    Calma Rodrigo… não dá para acreditar nas próprias mentiras da gente.
    Se o Grêmio for para a Libertadores, será um ganho, não uma derrota!

  11. Camarada Rodrigo:

    1) Nas duas últimas semanas só vi gremista (torcedor e dirigente) falando no Colorado e na possibilidade da vaga na Libertadores. O próprio César Pacheco confirmou q na viagem tb queria “melar” a possibilidade do Inter ir à Libertadores via Sulamericana.

    2) O Once Caldas merece todo o respeito, afinal ganhou a sua Libertadores do Boca (coisa q o São Caetano com grife ñ conseguiu), além de ganhar do Santos e do São Paulo.
    Mas diferente do Once Caldas (q merece respeito) o Colorado ñ ganhou apenas uma competição internacional. Ganhou 3 seguidas e pode empilhar mais uma este ano.

    Já o São Caetano com grife (essa eu tirei do centro do país) chegou a final da Libertadores e levou duas lambadas do Boca e agora entrega um campeonato q liderava com 12 ptos a frente do atual líder, q agora tem 5 ptos de vantagem. KKK

  12. 1) Só tu, camarada Jorge, viste gremistas que só falavam do Inter… Pois eu e meus amigos e amigas gremistas só nos preocupamos com o Grêmio. Aliás, o último post flauteando o Inter aqui, faz tempo…
    2) O Once Caldas merece até mais respeito que o Inter, pois não caiu fora da Libertadores de 2005 na primeira fase, bem diferente do Inter em 2007.

    Agora, essa de chamar o Grêmio de “São Caetano com grife” é comparável a dizer que nós de esquerda defendemos “a ideologia do atraso”…

  13. Interessante ver os colorados tocando flauta em blog de gremista. Acho que não existe este tipo de comunidade pelos lados de lá.

    O que vou fazer num blog de colorado? Não sei, melhor deixá-los nos seus debates.

    Interessante, também, a memória desse colorado ou deve ser um pré-adolescente.
    Ele não sabe que o último brasileirão que o colorado ganhou foi em 1979, quando, muito provavelmente, o espermatozóide do pai não conhecia o óvulo da mãe.

    Paciência Rodrigo, fui adolescente quando havia o fantasma do exa colorado dos anos 40, e foi superado nos anos 60. O Grêmio empilhou o monte de Gauchão e eles diziam: nunca foram exa. Acabamos hepta. Depois o beira-rio e o massacre dos anos 70. Diziam: nunca vão ser campeão brasileiro. Fomos, outra superação nos 80. Nos anos 90 fostes testemunha da história, não preciso lembrar.

    Mais dias ou menos dias esse tocaio estará no portão 8 berrando desesperado e nós seremos compreensíveis com suas agruras. Como está tudo escrito é só resgatar as afirmações. Nunca esquecendo que as pessoas são eternamente responsáveis pelas palavras, a não ser que peçam desculpas. No futebol, ao contrário do que estabeleceu Marx na política, a história se repete e é bem divertido. A questão que fica é a seguinte: Quem será o Obino dos vermelhos? Eu aposta do Píffero, mas pode ser o pai do Mano Change. Vamos esperar com paciência chinesa.

    Como diria o Feil, coisas da vida.

  14. 1) Camarada Rodrigo e vais flautear o Colorado com o q? No Brasileirão estamos entregando jogos para os adversários de vcs (SP,…) e estamos aí em mais uma final de competição internacional enqto vcs entregaram um campeonato ganho… KKK
    Q clube seria capaz de entregar um campeonato em q liderou por 17 rodadas e esteve 12 ptos a frente, a ñ ser um clube de Série B?
    Daí – e de outras – é q provém o “São Caetano com grife”, mas posso continuar chamando de Segundino se achas mais coerente. KKK

    2) Nossa então a “mancha” “irreparável” na História do Inter é a participação na Libertadores de 2007? Nossa q coisa feia! Mas será q é mais feio do q ser rebaixado no campeonato nacional? Ao q indica a intervenção do meu xará (q deseja ardentemente q tenhámos um Obino) ñ! KKK

    Por essas e outras q nem vc e nem o meu xará terá o q fazer em blog de Colorado, além é claro de ser chacoteado. KKK

    Ah claro: lembro ao meu xará q com relação as palavras, os Segundinos diziam q o Colorado jamais ganharia título internacional. Pois é… e desde 2006, apesar do nosso “Obino” e do nosso técnico azul de time de Segunda, o Colorado está sempre fazendo os Segundinos terem q ir pra frente da TV secá-lo contra algum gringo, como ocorrerá hoje à noite né xará? KKK

  15. Camarada Jorge Nogueira, um time capaz de entregar campeonato é o… Inter! Em 1997 estava muito bem no Brasileirão, mas na hora do “vamos ver”, amarelou. E, como bem lembrou o Hiltor Mombach em sua coluna de hoje no Correio do Povo (citando e-mail enviado por um leitor), o Inter tinha a mão na taça do Gauchão de 1962, seis pontos de vantagem sobre o Grêmio (a vitória valia dois pontos), faltando três rodadas: na antepenúltima e na última, o Inter perdeu e o Grêmio ganhou; na última, teve GREnal vencido pelo Grêmio por 2 a 0; em jogo desempate, nova vitória Tricolor sobre os moranguinhos, desta vez por 4 a 2: GRÊMIO CAMPEÃO!!!
    E como bem lembrou o camarada Jorge Vieira, é impressionante como os morangos se preocupam com o Grêmio, mais do que nós com o Inter. Para ter uma idéia, eu nem assisti aos jogos do Inter contra o Chivas, tinha coisa mais importante pra fazer – e hoje só assistirei o jogo se não tiver nada melhor para fazer. Enquanto isso, os morangos dão ainda mais audiência a um blog gremista, e dizem que nós é que nos preocupamos com eles…

  16. Camarada Rodrigo: o próprio Mombach corrigiu a informação do leitor, no parágrafo abaixo, dizendo q foram em 5 rodadas e ñ em 3.

    Em 97 éramos treinados pelo buRoth e o campeonato ñ era por ptos corridos, era na base do formulismo, q mtos sentem saudade. Daquele campeonato o q ficou foi um famoso 5 a 2 em uma tarde de domingo no Monumental Chiqueirão. KKK

    Na era dos ptos corridos para tirar o título do Colorado tiveram de fazer toda aquela maracatuaia, enqto q o “São Caetano com grife” conseguiu entregar um campeonato em q o apito amigo rolou solto e o STJD deu uma mãozinha. Pra se puxar assim só sendo time de Série B mesmo. KKK

  17. Camarada Jorge, o Mombach não tem certeza se eram 5 rodadas…
    O “apito amigo rolou solto”? Não é bem isso que dizia o Mauro Beting, em levantamento feito no final de setembro. O apito vinha sendo bem “inimigo” do Grêmio.
    Se o Inter tem como rival um time tão desqualificado a ponto de o chamarem de “São Caetano com grife” e outras coisas, imaginem então o que o Inter é. Se o Grêmio é tão ruim assim, não sei porque vocês comemoram tanto quando ganham da gente. Acho que vocês devem ser mais fracos, muito mais fracos…

  18. Se por acaso “dizíamos” que nunca seriam campeão internacional, para honrar o nome, o que garante que nunca cairão para segundona? O Vasco também nunca caiu e tudo indica vai cair. Já estiveram a merce disso duas vezes, uma, inclusive, com o grande Fernando Carvalho (lembra daquele jogo com o Palmeiras, com um gol chorado do capitão Dunga no final?)

    Quem será o Obino do Inter?

    Acho que o Guga Turck, está coberto de razão, a maior torcida do RS é a do Grêmio, em segundo aos secadores dp Grêmio, em terceiro, um pouco maior que a do Juventude, o tradicional adversário.

    Afinal, existe blog de colorados?

    Rodrigo, paciência chinesa que não há mal que sempre dure, ou como dizem ( ou diziam) na minha Uruguaiana – a volta vem e os calaveras se secam!

  19. É isso Rodrigo. se somos tão ruim por que secam com tanta força?

    Uma vez o Ibsen Pinheiro disse que o tradicional adversário tinha superado a disputa regional. Então, parece que houve, pelos lado de lá, uma queda de nível.

    E afinal existem blogs de colorados.

  20. O Mombach nessa História está igual ao Lula: Ñ sabe de nada… KKK

    Pois eu quero q o Mauro Beting diga um único jogo em q o “São Caetano com grife” tenha perdido devido a um gol irregular. Um só!

    Agora sabemos q ganhou do SP e do Ipatinga com gols impedidos, empatou com o Palmeiras com bola dominada na mão pelo Pico, empatou com o Figueira em falta inventada pela arbitragem. Só aí vc poderia excluir 6 ptos do Segundino. Estaria em 5º. Isso sem mencionar o pênalti ñ dado no Nilmar no Grenal do 1º turno, o pênalti ñ assinalado para o Santos e na sequência 2º gol do Segundino. Ñ vou descontar os ptos dos pênaltis pq depende de conversão na cobrança.

    A expressão “São Caetano com grife” está sendo difundida no centro do país, pra ver como os caras de lá consideram vcs… KKK

    Somos tão mais fracos q vcs q temos 20 Grenais de vantagem e ganhamos TODOS os Grenais relevantes fora das fronteiras do RS. Deve ser por isso q o César Pacheco treme os cambitos com a possibilidade do Colorado ir para a Libertadores de 2009. KKK

  21. Pingback: 26 de novembro « Cão Uivador

  22. Veja q o sonho dos torcedores do “São Caetano com grife” é q o Colorado repita os fiascos deles! Ano passado, qdo o Colorado começou mal o Brasileirão, tinha Segundino dizendo q trocava a vaga na Libertadores pelo rebaixamento do Colorado. Q dor q ñ causa um rebaixamento hein? Dois então nem se fala… KKK

    Xará, embora a propaganda gremista diga q o Segundino é “imortal” em matéria de sobrevivência o Colorado dá de goleada. Só fuga da Segundona foram 3, todas na última rodada:
    – 90 contra o Corinthians do Neto em SP (metemos 3, e ñ tinha como eles amolecer pq disputavam classificação para as finais);
    – 99 contra o Palmeiras do Felipão, q era campeão da América. Até hoje a gremistada lamenta aquele chute de dentro da pqna área por cima do Pena aos 46 do 2º tempo;
    – 2002 contra o Paisandu. Além de ganhar o Colorado dependia de 3 resultados favoráveis e eles aconteceram. Portuguesa e Botafogo perderam em casa e o Palmeiras perdeu para o Vitória no Barradão.

    Eu ñ sou bobo de repetir os erros de vcs, Xará, e dizer q jamais caíremos. Porém, se isso ocorrer, e se eu estiver vivo neste momento, apenas estaremos quites no fiasco! Nada mais! Até lá vcs já foram mto chacoteados por isso! KKK

    Vai esperando o nosso Obino vai Xará! Mas vê se enqto ele ñ aparece tu ñ vai inventar de cair pela 3ª vez… KKK

  23. Pingback: É preciso pensar no Galo « Cão Uivador

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s