Os verdadeiros baderneiros

Saiu matéria na mentirosa* de hoje sobre a praga dos foguetórios próximos aos hotéis onde se hospedam os adversários da dupla Gre-Nal quando vêm jogar em Porto Alegre. Barulheira que acorda não só os jogadores, mas também os torcedores dos próprios clubes que moram nos arredores.

Entrevistaram dois dirigentes do Grêmio, dois do Inter e o Coronel Paulo Mendes, comandante da Brigada Militar.

Quando questionado a respeito de uma medida contra os foguetórios, o Coronel Mendes respondeu (os grifos são meus):

Conscientização. São pessoas de classe média, esclarecidas. A BM não tem condições de colocar homens na frente desses hotéis, nós temos coisas muito mais importantes para fazer. Podemos tomar medidas repressivas.

A Brigada realmente não tem condições de enviar uma simples viatura para patrulhar o entorno dos hotéis de modo a impedir os foguetórios? Ou será que as “medidas repressivas” ainda não foram tomadas porque os (verdadeiros) baderneiros são “esclarecidos”?

———-

* “Mentirosa” é o termo que um tio meu usa para se referir ao jornal Zero Hora.

Uma resposta em “Os verdadeiros baderneiros

  1. Pingback: A gripe do PIG « Cão Uivador

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s