Alguém ainda acredita?


(charge do Kayser)

Cresci acreditando que vivia no Estado mais politizado do Brasil. “Aqui no Rio Grande do Sul é diferente”, muita gente dizia. Havia quem até usasse isso como desculpa para reivindicar a separação do Rio Grande do Brasil.

Tal balela até tinha uma sustentação histórica. Durante a Primeira República (1889-1930), a política brasileira era, em geral, marcada pela luta entre oligarquias. No Rio Grande do Sul elas também existiam, mas a política gaúcha tinha um caráter mais ideológico do que em outros Estados. Como disse Joseph Love, no Rio Grande do Sul “a família e a posição social, tidas muito em conta em outras partes do país, representavam relativamente menos”¹. Chegava-se ao ponto de famílias dividirem-se em ramos inimigos entre si devido a divergências políticas.

A rivalidade política no Rio Grande do Sul era muito acirrada naquela época, a ponto de terem acontecido duas guerras civis: em 1893-1895 e em 1923. Mas ninguém se assuste: não estamos prestes a voltar aos tempos da Primeira República, em que a política era mais ideológica mas resolvida na base da degola.

Hoje, a política gaúcha é resolvida na base do dinheiro mesmo.

E quanto ao Rio Grande do Sul se separar do Brasil, como alguns defendem: a única vantagem que vejo seria o fato do Gauchão valer vaga na Libertadores. Pois imaginem uma hipotética República Rio-Grandense, numa penúria dessas, com um (des)governo desses, sem poder poder pedir socorro para o Governo Federal…

———-

¹ LOVE, Joseph L. O regionalismo gaúcho e as origens da revolução de 1930. São Paulo: Editora Perspectiva, 1975, p. 78.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s