Por que o Corinthians é tão detestado?

Não foram só colorados, são-paulinos, palmeirenses e santistas que ficaram felizes da vida com o rebaixamento do Corinthians à Série B do Campeonato Brasileiro. A impressão que dá, é que quase o Brasil todo comemorou. No final do jogo de domingo, o Olímpico era uma festa, apesar da partida “mole” que o Grêmio havia jogado, sem a mínima raça.

E isso não é devido à roubalheira de 2005 (para os colorados) nem à derrota na final da Copa do Brasil de 1995 (para os gremistas). Há tempos a Placar divulgou uma pesquisa que apontava o Corinthians como o clube mais odiado do Brasil. Pensei comigo mesmo: por que tanto ódio ao “Timão”?

O Corinthians, há muitos e muitos anos, é um dos clubes com mais exposição na mídia nacional. Tanto que com a derrota para o Vasco – que deixou o time à beira da Série B – a alta chance de rebaixamento tornou-se assunto no país inteiro. E a queda também.

curintia1.jpg
(charge do Kayser)

A televisão, por ser privada, segue uma lógica comercial: passa o que dá mais audiência. Flamengo e Corinthians têm, supostamente, as duas maiores torcidas do Brasil. Assim, entende-se porque seus jogos passam em rede nacional muito mais vezes do que os da dupla Gre-Nal: mais gente “se interessa” por Flamengo e Corinthians.

Em termos de conquistas, São Paulo, Santos, Grêmio, Internacional e Cruzeiro são maiores que o Corinthians, mas o que vale é a “quantidade”, ou seja, o número de torcedores telespectadores. Assim, fica muito claro que tudo o que falam do Corinthians na mídia não se deve a feitos históricos ou times memoráveis: é pura questão de “mercado”.

Com outros grandes clubes também não houve a mesma exploração midiática do rebaixamento. Nem vou falar do Grêmio para evitar ser muito passional: lembro do Atlético Mineiro. Em 2005, quando o Galo caiu, não houve documentário especial no Esporte Espetacular, nem grandes debates em rede nacional.

Porém, acho que só a exposição na mídia não explica tudo. Pois o Flamengo também é superexposto (por motivos que já citei), e não é tão detestado como o Corinthians – pelo menos aparentemente.

Talvez seja a arrogância. Nisso, tenho um exemplo daqui de Porto Alegre: o Inter. Eles ganharam o Mundial contra o Barcelona e passaram a se achar “os tais”. É fato: esse negócio deles acharem que o título deles vale mais por ser “FIFA” tornou o clube antipático para muitas pessoas que não tinham nada contra o Inter. Uma amiga minha, que nasceu em Minas Gerais mas mora em Porto Alegre desde 2003, torce pelo Cruzeiro e adotou o Grêmio como segundo time. Mas ela não detestava o Inter: isso passou a acontecer em 2007, quando muitos colorados se tornaram extremamente arrogantes.

Pois bem: o “Timão” sempre teve uma imagem arrogante (o próprio apelido já ajuda bastante). Meu pai, que é colorado, diz que sempre achou o Corinthians e sua torcida muito antipáticos, e depois de 2005 passou a detestar ainda mais o clube paulista. Some-se a isso que, como disse o Thiago Silverolli lá no Cataclisma 14, “tudo que o Corinthians faz é grandioso” – parcerias milionárias, comemorações desproporcionais, enquanto título que é bom…

Porém, ainda não tenho uma conclusão sobre as causas desta antipatia em geral que as pessoas não-corintianas sentem pelo Corinthians.

Passo a palavra ao leitor que não gosta do Corinthians para que diga, nos comentários, os motivos de sua antipatia pelo “Timão”.

Anúncios

78 comentários sobre “Por que o Corinthians é tão detestado?

    • Não tem nada a ver , o apelido é Timão por causa quem e 1900 e tanto… o corinthians tinha o melhor elenco do brasil , recheado de craques e deram o apelido Timão , pq o time estava sensacional e ai o apelido timão pegou!!!

  1. Será que Flamengo e Corinthians monopolizam as tramissoes porque possuem muitos torcedores, ou possuem muitos torcedores porque monopolizam as transmissões?

    A propósito, eu detesto o corinthians simplesmente porque é o corinthians.

    • Rodrigo eu vou te contar um trecho de uma conversa que eu tive com um são-paulino quando eu fiz esse mesmo questionamento.

      Eu estava no metrô de São Paulo e fiz essa pergunta para meu amigo Corinthiano, quando nós voltávamos da facul, um Senhor berando aproximadamento uns 60 anos me contou a seguinte história. Que nas décadas de 60 e 70 os titulos em São Paulo ficavam sempre entre Santos, Palmeiras e São Paulo, e o Corinthians não ganhava nada, tanto de ficou 23 anos na fila. O mesmo me contou que trabalhava em uma empresa de Italianos, logo então palmeirenses, e os donos viviam reclamando que à cada ano que passava mais Corinthianos havia na empresa, e isso começou a ser constatado nas ruas e virou até matérias de jornais na época, “Como pode um time a tantos anos sem ganhar titulos aumentar o número de torcedores nas arquibancadas?” essa pergunta começou a ser feita e os Corinthianos começaram a usar isso a seu favor e a irritar os demais torcedores, tente imaginar a cena? Sei que você é gremista, imagina a torcida do inter aumentando a cada ano que o time ficasse sem ganhar nada, nada mesmo, enquanto seu time ganha tudo… deve ser dificil. E o fato da invasão no Maraca contra o Flu contribui e muito para isso.
      Então foi essa explicação que um são-paulino me deu, e eu constato isso na rua, quando o Corinthians perdeu para o Gremio e foi rebaixado, eu nem quis ver o final do jogo e fui ao shopping com minha namorada na epoca e vi dois Corinthianos andando no shopping, me aproximei e perguntei. ” -Eai escapamos da degola e ficamos na primeirona?”. Os casa. “Que nada fomos rebaixados mesmo!”. Foi ai que eu entendi o que é ser Corinthiano, e nunca abandonar o time em hipotese alguma, e isso deixa os outros doidos. Tanto que o torcedor que mais odeia o Corinthians e o são-paulino, pois quando o times deles perdem, vc tem que ver, guardam as camisas no fundo da gaveta, quer ver um exemplo? No mesmo ano do rebaixamento do Corinthians o São Paulo foi o campeão brasileiro e algumas rodadas antes desse decreto os dois jogaram contra e o Corinthians ganhou de 1 x 0, no outro dia quase não se via são-paulinos nas ruas, então tire uma conclusão o time dos caras prestes a ser campeão e por causa de uma derrota para o arquirrival os torcedores de certo modo “abandonaram o time”. Porque eles não são torcedores, são comemoradores, e só apoiam e vestem a camisa quando o time ganha. Assim é facil!

      Espero ter dado minha contribuição nessa discussão.
      Obrigado pela oportunidade. Tchau!

    • Caro Rodrigo, arrognacia é um comportamento que não combina em nada com o Corinthians nem com os Corinthianos. Principalmente por sua história e origem. Um Time que foi criado por operários, gente humilde. Não a toa o Corinthians é conhecido como o TIME DO POVO. O fato de nossa torcida ser tão fanática a ponto “da mídia explorar” isso comercialmente não serve de argumento. A história do Corinthians é gloriosa pelo fato de nossas conquistas serem na maioria das vezes a muito custo. Soberba e arrogancia se enquandram muito mais aos torcedores e a times como o SPFC, Cruzeiro e Inter.

  2. André:
    Boa pergunta… Será que se o Grêmio agora entrar numa seqüência de 10 anos de grandes conquistas, terá mais espaço na TV daqui a 10 anos?

    Abraços!

  3. Rodrigo,

    Excelente post, que recomendarei lá no APITO DO BLACKÃO. ;)

    Meu pai, que morreu em 2002 e teria 77 anos hoje se fosse vivo, um dia me respondeu à pergunta que eu fiz quando devia ter uns 12 anos de idade. O diálogo foi o seguinte:

    – Pai, por que as maiores torcidas do país fora dos Estados dos próprios clubes são dos paulistas e cariocas?

    – Eu acho que é porque, quando ainda não havia televisão, a gente também não tinha rádios que alcançavam o país inteiro. Não chegavam até aqui ou até a Bahia, mas todas as grandes rádios AM cariocas e paulistas pegavam em SC, PR, , MT, ES, SE, etc. E também deve ser porque milhões de nordestinos, que fugiram da seca, foram morar em SP e no RJ.

    Eu acho que isso responde mais do que o fato de que as maiores corporações de mídia e as maiores populações do país estejam contidas nos estados de RJ e SP. Embora seja por causa da enorme audiência e também para construir e reforçar a imagem do clube e de seus patrocinadores (tanto do clube como aqueles que mantêm a própria indústria midiática) na cabeça do CONSUMIDOR, ainda creio que o alcance do rádio e as migrações tenham um papel quase hereditário na definição de que clube escolher.

    []’s,
    Hélio

  4. Pingback: CORINTHIANS, O MAIS "ODIADO” « APITO DO BLACKÃO

  5. Hélio:
    Tens razão quanto ao rádio. Meu avô torcia pelo Flamengo e depois pelo Inter (sem contar o glorioso Sport Club Rio Grande), já que as rádios do Rio de Janeiro pegavam melhor do que as de Porto Alegre lá em Rio Grande. Minha avó, que nasceu na fronteira com o Uruguai mas depois foi morar em Rio Grande, também tem muita simpatia pelo Flamengo. E o ex-marido de uma prima minha, de Rio Grande também, é torcedor fanático do Vasco.

  6. Você tem razão quando diz que é tudo uma questão de marketing.
    A midia é culpada por este clima de ódio,eu sou corintiano desde os 6 anos(1954),puro acaso ,explico:meu pai foi comprar uniforme de jogadorespara mim e os dois irmãos,como o irmão do meio era o menor em tamanho ,meu pai comprou um uniforme do palmeiras para ele(coitado),e até hoje ele é palmeirense,mas podia ser eu né.Eu acho uma tremenda bobagem esta história de ódio no futebol,é combustível para as eternas brigas em campos ou fora deles,o que podia ser uma excelente diversão,não raramente termina em tragédia.Mas voltando ao assunto do marketing,eu tenho a tese ,que toda a violência no futebol,é culpa da mídia,ela morde e assopra,ao mesmo tempo que fomenta a discórdia ,a fofoca (coisa abominável),ela condena e exige providências,é realmente uma posição ambigua.Minha mulher e minha filha são palmeirenses,meu sogro e minha sogra eram palmeirenses(chefes de torcidas uniformizadas),e eram excelentes pessoas,como ter ódio ?.Quando o Corintians ficou 23 anos na fila do campeonato paulista,aguentei muitas gozações e nem por isso saí dando porrada.
    ISTO É SER CIVILIZADO.
    É só isso que precisamos,ser cidadão responsável.

  7. Luiz Carlos:
    Agradeço muito pelo comentário, achei bem interessante ter também a opinião de um corintiano sobre o tema do post.
    Aliás, para tentar entender os motivos de tantas pessoas detestarem o Corinthians, faz-se necessário que eu deixe o ódio de lado. Faço uma analogia com o que disse Eric Hobsbawm em “Nações e Nacionalismo desde 1780”: “nenhum historiador sério das nações e dos nacionalismos pode ser um nacionalista político comprometido”. Do mesmo modo, quem quiser entender as razões das pessoas que dizem não gostar do Corinthians não se pode deixar dominar pela antipatia, senão concluirá que “é simplesmente culpa do Corinthians”.
    Tanto que jamais poderei dar uma explicação imparcial sobre o que sentem os gremistas pelo Inter, já que eu sou gremista…

  8. Acompanhei os comentários dos colegas sobre o ódio que sentem do Corinthians. Sou corinthiano desde pequeno, quando o Viola marcou aquele gol contra o Guarani de Campinas em 88 na final do paulistão. Ser corinthiano é isto. Tudo acontece nas dificuldades. Entendo que por isso muitas pessoas são corinthianas, mesmo fora de São Paulo, pois, esta imagem também é passada Brasil afora. A denominação de fiel para a torcida também colabora para que as pessoas se simpatizem pelo Timão. Há palmeirense em São Paulo que antes de torcer para o Palmeiras é anti-corinthians, com isso, vende mais jornal, mais espaço em programas esportivos, mais jogos transmitidos e ….. quanto mais anti, mais torcedores o alvinegro terá!

  9. Concordo que sendo corinthiano minha visão sobre o assunto em questão será bastante particular, mas entendo que o “anti-corinthianismo” aumentou muito após a MSI, tanto que fomos obrigados a criar um movimento para afastar o presidente para agora tentar reconstruir a nossa imagem… e a rede Globo não ajuda em nada! Tem dia que eu mesmo fico com raiva dela: toda hora é jogo nosso na TV, e se alguém solta pum no Parque São Jorge já aparece no “Jornal Nacional”!
    É bom lembrar que existe ódio, rivalidade e rivalidade regional. E em se tratando de rivalidade regional os paulistas sempre contarão com menos simpatia que os demais.
    Por último, entendo os torcedores ods outros times tem uma certa dificuldade de entender um detalhe fundamental do “espírito corinthiano”: o fato de que o número de conquistas não interfere na nossa paixão! Não interessa para o corinthiano ter mais ou menos conquistas, nem mais ou menos “craques”… como diz a música, “ser corinthiano é ir além de ser ou não o primeiro”! Ser “corinthiano” é o mais importante, e só quem é pode entender… afinal, como pode uma torcida gritar no estádio que é sofredora e ainda agradecer a Deus?!?!?

  10. Caro Rodrigo,
    Estava procurando textos do Eduardo Galeano e caí no teu blog. Achei curiosa a pergunta de por que o Corinthians é o time mais odiado ? Bom, eu sou corinthiano, portanto minha resposta certamente será parcial.
    Algum tempo atrás ouvi um comentarista de tv falar que “o futebol é a coisa mais importante, das coisas menos importantes”. Pois é, eu concordo, para mim o futebol é apenas importante durante o jogo, duas horas depois nem lembro dos detalhes. Nunca deveria despertar sentimentos como odio. As brigas entre torcedores também me parece uma coisa imbecil. Já vi pessoas brigar por causa de um simples jogo de futebol.
    Agora, o que sinceramente me impressiona é não encontrar a mesma raiva, indignação ou odio pela corrupção ou pela pobreza de milhões de pessoas pelo mundo. Talvez seja isso que os donos do poder esperam, que passemos nossa vida discutindo o futebol e não nos preocupemos com os problemas reais.
    Bom, um abraço para todos, independentemente do time que cada um escolhe para torcer.
    Carlos

  11. Torço para o Corinthians; na minhã opinião essa questão de ódio é triste, poderiamos mudar para não gostar.

    Nunca vi nenhum time dividir o maracanã como fez o Corinthians contra o fluminense, isso é histórico.

    O meu Timão ficou 23 anos na “fila”, e talvez isso “ajudou” ainda mais a torcida no quesito fiel.

    Normalmente “tudo” é mais difícil para o Corinthians, jogos são muitas vezes decididos até nos acrescimos.

    O Corinthians tem uma marca muito forte, já que uns 50 % + ou – do poder aquisitivo do Brasil se encontra no estado de São Paulo.

    Corinthians agradeçe até pelo sofrimento “Corinthiano … sofredor graças a Deus”.

    O nome Corinthians é Bíblico.

    Mas é difícil explicar, ser Corinthiano é talvez amar muito esse time.

    Talvez seja a paixão exagerada dessa torcida apaixonada.

    É claro que existem pessoas ruins/perversas no mundo inteiro, e na torcida do Corinthians não é diferente.

    Peço desculpas pela atitude dessas pessoas; infelizmente muitos usam seu intelecto para explicar a ruindade na humanidade, mas a VERDADE é que toda a alma sem seu criador sofre, porque não esta na luz, não esta em Jesus.

    Que Deus abençoe a todos, e que todos nós venhamos andar sempre na verdadeira luz, JESUS.

  12. Carinhas..

    Vocês podem odiar o corinthians, nós (corintianos) não ligamos. Desde que continuem falando do corinthians, pois isso só nos coloca ainda mais em posição de destaque, nos coloca como um time diferente de todos.

    Aliás, não somos um time que possui uma torcida, mas uma torcida que possui um time.

    A quem quiser, eu recomendo assistir a este vídeo com personalidades famosas (inclusive Pelé), falando sobre “o que é Corinthians”.

    T+, torcedores dos outros times!

    Nos vemos novamente em confronto pela elite do futebol

    ;-)

  13. eu amo o corinthians…
    e se corinthians jogar no céu
    morro para vê-lo jogar……
    e a cada momento que alguém ri..do
    “timão” é o momento certo
    q sei q através do sorriso dos invejos
    corinthians meu timão só vai subir para vitória…
    quer time melhor monte um…bjss.
    te amo Corinthians…

  14. PELAMORDEDEUS… ONDE VOCES VEEM UM LEME OU TIMÃO NO ESCUDO DO CORINTHIANS ?? É UMA BÓIA, REMOS E ANCORA, COISAS DE NAVEGAÇÃO, MAS NÃO É UM TIMÃO, Ô IGNORANTE!! TIMÃO É AQUELE “VOLANTE” DO NAVIO….. O APELIDO TIMÃO É PORQUE GERALMENTE SÃO GRANDES PLANTÉIS QUE COMPÕEM A EQUIPE, E TALVEZ PELA RAÇA, SEI LÁ.. É UM APELIDO CARINHOSO COLOCADO PELOS CORINTHIANOS, E NÃO PORQUE HÁ UM TIMÃO NO ESCUDO.. POR FAVOR PAREM DE FALAR ISSO, IGNORANTES!!!!

  15. O apelido “Timão” foi inventado pela imprensa esportiva num ano da década de 80, em que por aquelas bandas eles montaram um time, que segundo os jornais da época era um verdadeiro selecionado de craques.
    Mas, infelizmente, a maioria dos brasileiros é extremamente ignorante, em todos os sentidos, político, econômico, etc., por isso, a grande maioria pensa que o apelido timão é porque tem um timão de navio no escudo, mas se vc observar bem, não é um timão, são 2 remos, 1 ancora e uma bóia (aquelas com corda em volta), porque o clube, assim como o náutico e o flamengo, era também um clube de regatas. quanto ao time do corinthians ser tão odiado pelo fato da torcida ser arrogante, não acho que a torcida corinthiana seja tão arrogante quanto qualquer outra torcida do brasil. a torcida do flamengo é tão grande quanto a do timão, mas não é tão fanática… a do corinthians é mais fanática com certeza, já morei no rio e moro em sao paulo e vi de perto as 2 torcidas, e posso confirmar isso… acho q é por isso que ela é mais odiada, pq seus torcedores têm mais amor pelo clube…. tenho uma teoria que explica melhor isso: os cariocas são mais tranquilos que os paulistas… se o mengo perder, a galera vai pra praia, faz um sambinha, tal.. ja o timão, se perder, a paulistada vai pegar o metro ou engarrafamento ao lado de um torcedor saopaulino ainda por cima, saca? paulistano é mais estressado por viver em uma cidade maior, mais Workaholic, daí o fanatismo maior, vai ficar nervoso mais facil.,.. carioca em si já é mais relaxadão, mais folgadão……

  16. é uma coisa inexplicável, como diz washington oliveto em seu livro…. realmente não tem explicação…. porque um clube de futebol tem tantos artistas fazendo musicas e homenagens a ele ?

    1- Demônios da Garoa: Coríntia, Meu Amor é o Timão
    2- Toquinho: Corinthians do meu coração (1983)
    3- Corinthians, Campeão do IV Centenário (1954)
    4- Germano Mathias: Bandeira do Timão
    5- Wilson Simonal: “Joga, Corinthians!” (1977)
    6- Elza Laranjeira: “Gol de Baltazar”
    7- Guarani e Pirajá: Primeiro Hino do SC Corinthians Paulista.
    8- Jamelão: Corinthians, Campeão do Centenário (1955)
    9- Tião Carreiro e Pardinho: Quebra de Tabu (1968)
    10- Gilberto Gil: Corintiá (1984)
    11- Sílvio Santos: Samba do Corinthians (1976)

    Vc já ouviu alguma musica feita para o sao paulo, alem de seu hino ???
    Tudo que dissermos terá um argumento contrario.. não tem explicação para um time ser tão amado…. e a consequencia disso é o ódio de outros……

  17. Achei infeliz a parte do texto que fala em conquistas. Para qualquer desconhecedor, basta acessar o site do Corinthians para saber os títulos que o Clube conquistou. Fora uma Libertadores, o que de tão maior o Inter, por exemplo, conquistou?
    Sem contar que um campeonato paulista (pela sua dificuldade) vale muito mais que alguns títulos por aí…

  18. Flavio,
    Apesar de eu ser gremista, não posso brigar com os fatos: o Inter conquistou o Mundial em 2006 (foi o pior dia da minha vida). E chegou lá de maneira justa, vencendo a Libertadores.
    O Corinthians conquistou em 2000 um campeonato que não tem lá muita credibilidade, não só pelo Corinthians não ter vencido uma Libertadores para disputá-lo, mas também pelo fato do Vasco ter sido convidado só por ser do Rio: o público dos jogos no Morumbi estava garantido pela presença do Corinthians (e o paulista que deveria ter jogado aquele campeonato era o Palmeiras, campeão da Libertadores de 1999), já os jogos do Maracanã seriam um fracasso de público sem um clube carioca – tanto que em uma rodada dupla em que o primeiro jogo foi do Vasco, a partida disputada na seqüência teve um público ridículo no Maracanã. Ou seja: dinheiro acima de tudo.
    Isso não tira os méritos do Corinthians por ter ganho aquele campeonato: não deveria ter sido convidado, mas foi, jogou e ganhou sem nenhuma roubalheira. Mas acho que fica meio estranho chamar de “mundial”, considerando que um dos critérios de participação era “convite”, quando deveria ser única e exclusivamente os resultados dos campeonatos continentais.

    • MEU CARO, O CORINTHIANS FOI CONVIDADO POR SER O CAMPEÃO NACIONAL, ISSO OCORRE AINDA NOS MUNDIAIS!! O VASCO FOI CONVIDADO POR SER O CAMPEÃO DA LIBERTADORES DE 1998 PORQUE O PALMEIRAS CAMPEÃO DA LIBERTADORES DE 2009 RECUSOU PARTICIPAR POR NÃO DAR CREDITO AO TORNEIO E PREFRIO A DISPUTA DO INTERCLUBES DA TOYOTA (CAMPEONATO DE UM JOGO SÓ), OU SEJA, SE UM CONVIDADO CAMPEÃO NACIONAL DO PAÍS SEDE FOR CAMPEÃO NESTE ANO ELE NÃO SERÁ VALIDO??

  19. Prezado Rodrigo,

    não me refiro a essa questão de mundial. Cada um terá sua opinião. Não creio que o problema foi o Corinthians disputar, pois até hoje o Japão tem direito a uma vaga como país sede. E se algum dia essa campeão japonês ganhar o torneio? Será menos campeão do mundo que os outros?
    O Corinthinas tinha sido campeão em 1998 e 1999. A vaga era da CBF, portanto, o critério foi plausível.
    O problema lá, acredito eu, foi não chamarem o Palmeiras que fora o campeão da Libertadores de 1999, na vaga destinada à CONMEBOL. Essa entidade teve que fazer um exercício tremendo pra justificar o Vasco que havia sido campeão em 1998 e não em 1999. Mas enfim, eu comemorei, comemoro até hoje, e vou continuar comemorando, ainda que acabemos por ganhar uma libertadores e outro mundial….
    Mas não foi esse o ponto que me incomodou…

    Primeiro, como fala a música do Toquinho, “ser corinthiano é muito mais que ser ou não ser o primeiro”, não acredito que título seja a única expressão de grandeza de uma equipe. O que falar de Atlético Mineiro, de Botafogo, de Vitória, de Bahia, ate mesmo de Guarani e Ponte Preta…
    O texto fala que em termos de conquistas alguns clubes são maiores que o Corinthians.

    O Corinthians tem 5 Torneios Rio-São Paulo, quatro deles conquistados em uma época em que esse Torneio valia como um Brasileiro. O Corinthians é o maior campeão paulista. Até a década de 80 era o título mais almejado pelos times do Estado de São Paulo. Dentre outros títulos….
    Essa loucura toda sobre libertadores começou por aqui quando o SP ganhou. Até então não via ninguém falar em libertadores… tanto que em certo ano ela foi transmitida na TV aberta pela CNT-Gazeta…

    Tirar do Corinthians sua grandeza me incomodou… em 1982 o Clube participou das Diretas, foi citado na semana de arte moderna de 22 (Menotti Del Pichia disse “o Corinthians é um processo sociológico que deve ser profundamente estudado), foi berço da democracia e do povo….
    Agora, por causa de dois ou três, jogam fora essa história toda…

    E ainda escondem os fatos históricos de que alguns times (daqui de SP) construirma estádio com dinheiro público, tentaram se apropriar de benss de outros clubes e agora posam como vanguardistas, como maiorais…
    Não estou falando de Inter, Grêmio até porque eu sou ignorante quanto à história destes clubes para falar qualquer coisa, mas de outros que querem ser super organizados, etc.

    Meu pai que nasceu em uma colônia italiana em SC (Criciúma) apesar de não ser paulista e, portanto, não fazer parte da colônia daqui me disse uma vez “vc. pode torcer pra qualquer clube menos…[que não era o Corinthians]…
    São esses critérios que me deixaram incomodado.
    Ademais te parabenizo pelo Blog e forma sensata de ver as coisas.

    Abs.

    Flávio

  20. Flávio,

    Realmente, a Democracia Corintiana do início dos anos 80 foi algo sem precedente na história do futebol brasileiro – e de acordo com a versão em inglês da Wikipédia, foi um acontecimento único no futebol mundial. E pode-se dizer que deu certo, já que o Corinthians tinha ido mal em 1981 e em 1982 foi muito bem, repetindo a dose em 1983. Foi uma pena que não tenha durado mais tempo, poderia ter influenciado mais clubes a seguirem o exemplo.

    Abraços

  21. Em 2005 o legítimo campeão brasileiro foi o Inter. O título foi levado na mão grande pro corinthians, até o dualib adimitiu. Não acho que o corinthians seja um clube pequeno, pelo contrário, é grande (no brasil). Mas muitos dos títulos de abrangência nacional foram conquistados através de parcerias com bancos ou instituições. Então não vejo grandes méritos ao clube corinthians por isso, e sim ao financiador. Um clube de futebol não se cria, se desenvolve. O Inter teve TODOS seus títulos nacionais e internacionais conquistados à duras penas através de um projeto para o clube, feito pelo clube. Acho que existe diferença nos méritos.

  22. Prezado Rodrigo, gostaria de dizer que torço pelo título do Grêmio no domingo.

    Caro Vinicius,

    Entendo suas razões mas não posso concordar com elas.

    Com relação ao título de 2005, o Dualib já não estava bem há algum tempo, não sei até que ponto as frases jocosas e desconexas dele podem ser levadas a sério.
    Eu advoguei durante algum tempo no escritório de um ex-diretor do Corinthians, vi tudo com certa proximidade e não assisti a roubo, até porque se tivesse visto eu me envergonharia… Vi apenas alguns velhos caquéticos e com problemas financeiros, sem esse poder todo que querem dar a eles.

    Efetivamente creio que não houve roubo em 2005.
    Se foi erro, quantos erros existiram, existem e existirão no futebol? (podemos questionar inclusive uma série de pontos do SP neste brasileiro que, se fossem corretamente observados jogariam o SP para terceiro lugar, mas ninguém fala nada). Se, eventualmente, foi roubo (acho difícil pois isso envolveria muita gente de dentro e de fora do clube, até porque existem interesses maiores em dar títulos a clubes do Rio do que propriamente para o Corinthians), o preço já foi pago. Jogar a Série B é extremamente chato, é como ser condenado a jogar contra o Ipatinga por 38 vezes consecutivas…

    Quanto à formação de um time. Essa questão, creio eu, deve estar na ordem do dia de todo o futebol brasileiro. Depois da Lei Pelé, perdemos muito do nosso potencial. Hoje o clube é o que menos ganha, pois os atletas têm representantes, investidores, financiadores, avalistas, etc. De quem são os jogadores efetivamente?
    Então, da forma que as coisas estão, não vejo problema em recorrer ao auxílio de patrocinadores até porque, somente dinheiro não ganha jogo (veja-se aquele time que o Flamengo montou com Romário, Edmundo, Sávio e que não ganhou nada ou mesmo esse time de 2005 do Corinthians que não tinha pé nem cabeça)…e isso não significa que o clube não se preocupe com sua formação ou tente montar uma imagem. Por isso, creio não ser obra do acaso, que o Corinthians ganhou 6 Copas São Paulo de Juniores, ale de disputar mais 7 finais… Hoje tem alguma coisa errada na hora de entregar o jogador para a equipe profissional (veja-se casos de jogadores como Rosinei, Jô, Roger que são postos pra fora do Parque São Jorge assim que sobem pro time principal e o Rafael Sóbis que foi das categorias de base do Corinthians e apareceu no Inter…) mas não creio que esses problemas tirem a identidade ou que tente-se fazer um time construído….
    Porque o Deco foi vendido para a Europa quase sem jogar pelo Corinthians principal?
    O fundamento do Corinthians está no terrão, no campo de terra batida que formou Casagrande, Vladimir, Viola, Ronaldo, Dentinho… enfim, é da origem humilde… de um povo mestiço que não tem alegria nenhuma e por isso comemora até Campeonato de Bocha….

    Veja, não estou a tirar os méritos do Inter, que são inúmeros (inclusive até 2005 as relações entre os dois clubes eram boas) mas quando se fala em dinheiro, parceria etc., creio que precisamos ver bem por que: quem no Brasil realmente está ganhando dinheiro com Futebol?

    Enfim, acho que essa demonização toda do Corinthians, nos últimos tempos, é sem razão. Acho que tem um certo clube daqui de São Paulo que se beneficia muito com isso e que se procurarmos em sua história veremos que as coisas não são tão idílicas como parecem.

    Torço, também, pelo Inter na final da Sulamericana.
    Há muito tempo não encontrava pessoas para falar em futebol com alto nível de discussão.
    Abraços,

    Flávio

  23. Flávio,
    Concordo com muitas coisas que tu falaste, porém mesmo tu sendo corinthiano, deves adimitir que os “grandes erros” de 2005 foram todos em benefício do Corinthians. Pegue os dois erros cruciais do confronto Corinthians x Inter em 2005. O jogo estava 1×1, com o Inter por dominar a partida, e daí o senhor Márcio Rezende de Freitas não marca um penalty claríssimo no Tinga, e ainda por cima o expulsa! Esses dois “erros” provocaram um sentimento de revolta total em todo país praticamente. O Inter estava jogando futebol, e o senhor Márcio Rezendo de Freitas disse: “Não, vocês não podem ganhar”. Alie a esse acontecimento toda aquela maracutaia que o Zveiter fez ao anular 11 jogos sem investigação (beneficiando o Corinthians, (in)diretamente) e ponha-se no meu lugar, de colorado: tu não ficaria revoltado?
    Esse caso do “Assalto no Pacaembu” foi tão grosseiro que até mesmo os gremistas ficaram quietos, sem fazer brincadeiras. Meu irmão, Rodrigo (o Cão) disse: “Foi uma robalheira, mesmo sendo gremista, tenho que adimitir.”
    O campeão oficial foi o Corinthians, mas com certeza o merecedor do campeonato foi o Inter.
    Mas para tu não achares que odeio o Corinthians, eu adimiro a torcida corinthiana, assim como a do Atlético MG. Pois são torcidas de clubes, independentes da situação atual dos times. Te peço para assistir rapidamente este vídeo que lhe passarei o link; sobre o sentimento do “coloradismo”, creio que irá identificar um pouco com teu “corinthianismo”. É uma crônica de Luiz Fernando Veríssimo, ilustre torcedor colorado.

    http://br.youtube.com/watch?v=N8iUWX5hw7A

    abraços

  24. Vinícius,

    entendo suas razões. Aquele campeonato será eternamente considerado polêmico. Mas se houve algum “roubo” não teria sido mais fácil fazê-lo na Copa do Brasil (colocando o Corinthians na final)? Não chamaria menos a atenção? Tomara que fatos polêmicos como aqueles não voltem a ocorrer.
    É passado… agora nós temos que reerguer o Clube, e bola pra frente… as consequências da má gestão serão sentidas em 2009, ainda. Não disputaremos a Libertadores nem a Sulamericana, além de ter que lutar por vaga com a pressão do centenário em 2010.

    Gostei muito do video. O Corinthians dos clubes de SP é o que mais parece com os times do RS… gostamos de jogadores de raça como vcs… Estamos aqui para o der e vier e não somente quando o time ganha (tem uma certa torcida de libertadores por aqui que se o time perde não aparece ninguém).

    Abs.

    Flávio

  25. O time mais odiado do Brasil ñ é o Corinthians, é o Grêmio, pela arrogância de seus dirigentes e torcedores, q ñ passam de um clube Segundino (dois rebaixamentos já é tradição de time elevador) mas vivem arrotando prepotência.

    São os legítimos q comem m… e arrotam caviar!

    Tanto são odiados q na final da Libertadores de 2007 tinha mta gente no centro do país dizendo q “O Boca era o Brasil na final da Libertadores”. KKK

  26. De acordo com a Placar, o mais odiado é o Corinthians… Já faz um tempo que saiu essa pesquisa, é verdade.
    Mas, se o Grêmio for o mais odiado, sinceramente, vou adorar. Assim, nossas vitórias farão mais gente ficar com o rabo entre as pernas!
    Apesar de que acho o Inter muito mais odioso, com sua arrogância pifada e seu presidentezinho.

  27. Camarada Rodrigo fala sério: quem vai colocar o rabo entre as pernas pelo São Caetano com grife? Estavam na liderança folgada do Brasileirão e no centro do país ainda assim ninguém dobrou minimanente q fosse o rabo, nem qdo o SP tropeçou no Morumbi contra o Flu.

    Só esta sua declaração mostra a prepotência dos Segundinos q se acham a bolachinha recheada do pacote e perseguidos até pelo Bin Laden qdo todo mundo sabe q ñ passa de um clube elevador igual a mtos por aí q vive a subir e descer da B pra A da A pra B KKK

    E ainda vem falar de arrogância no Beira-Rio? Onde se respeitamos os adversários? Ah claro com uma exceção: os Segundinos da Azenha a gente ñ respeita a pto de meter 4 em 45 min. KKK

  28. Ah dia desses eu andava fazendo umas pesquisas pelo Google e acabei caindo por acaso em um blog de um cruzeirense e por causalidade ele falava sobre a partida q teriam com vcs no Mineirão.

    Ele mostrou as estastísticas dos jogos entre os 2 clubes e é espantoso o qto vcs são fregueses do Cruzeiro, outro time de Primeira! Depois em seu texto ele termina dizendo: “vamos pra cima desses metidos a besta”.

  29. Camarada Jorge, prepotência é chamar o principal rival de “São Caetano com grife”.
    Afinal, se vocês dão tanta importância a uma vitória sobre esse tal “São Caetano com grife”, é sinal de que são menos que isso, não acha?
    “Vive de subir e descer da B pra A da A pra B”. Em 38 edições do Campeonato Brasileiro, o Grêmio só esteve na Série B em DUAS (1992 e 2005). Um pouco de bom senso não custa nada, né?

  30. Camarada Rodrigo quem foi q começou com essa História de dizer q os adversários eram o fulano/sicrano com grife? Quer dizer q agora q isso virou contra vcs virou prepotência?
    E esta expressão q chacoteia vcs ñ foi criada pelos Colorados ela foi cunhada no centro do país.

    “Em 38 edições do Campeonato Brasileiro, o Grêmio só esteve na Série B em DUAS (1992 e 2005). Um pouco de bom senso não custa nada, né?”

    Hum… então o camarada achou pouco os 2 rebaixamentos? Tudo bem ainda esta em tempo de ir mais algumas vezes. KKK
    Ah claro e responda pra nós aí: qtas vezes o Colorado esteve na B em 38 edições? KKK

  31. Camarada Jorge:
    1) O Pelaipe sempre falou demais, todo mundo sabe disso. E o único adversário que ele falou em “ter grife” era o Boca (“Caxias com grife”). Até entendo a razão: o Grêmio precisava meter 4 a 0 no Boca na decisão da Libertadores, assim como acontecera na semifinal do Gauchão contra o Caxias, então ele usou essa “semelhança” para motivar a torcida – mas o feitiço virou contra o feiticeiro, o Boca não gostou de ser comparado a um time da Série C do Brasileirão. Mas o Boca não é nosso principal rival. Não custa nada lembrar que o Íbis tem vermelho em sua camisa… Achas que eu vou depreciar meu próprio time chamando o arquirrival de “Íbis com grife”?
    2) De 38 edições, o Grêmio esteve na série A em 36 – ou seja, MAIORIA ESMAGADORA. Logo, não vive de “cair pra B e subir pra A”. Chamá-lo de “Segundino” é, no mínimo, falta de respeito.

  32. Pois é camarada já foi o Cacalo, o Pelaipe e agora o Krieger. Como tem falastrão nessa direção hein? Falam besteira pra todo mundo, cutucam os grandes e depois qdo as besteiras retornam como bumerang aí reclamam, ficam magoadinhos, se sentem desrespeitados… Francamente né camarada é até ridículo este “chororô da Azenha!” KKK

    A mesma coisa com a Série B: celebram todo o ano o dia em q suaram o rego para voltar pra onde o Colorado nunca saiu, caíram duas vezes (e o camarada acha pouco KKK) mas daí qdo são chamados de Segundinos, se sentem desrespeitados… KKK

    Como são contraditórios! KKK

  33. Ah já ia me esquecendo: e o camarada ainda tentou justificar a bravata do seu dirigente contra o Boca. Só q este mesmo senhor já havia mostrado a sua prepotência no jogo contra o Santos na vila qdo ao final do jogo esculachou o Estádio do clube e o próprio clube.

    Depois ainda querem transferir a prepotência para os outros e se sentir desrespeitados qdo as besteiras voltam como bumerang. KKK

  34. Camarada Jorge, não distorça os fatos.
    Não tentei JUSTIFICAR a besteira dita pelo Pelaipe, só procurei EXPLICAR.
    E quanto às besteiras voltarem como bumerangue, então te cuida. O camarada não imagina a força com que as besteiras que ele diz voltarão quando o Inter cair para a Série B. Como diz o ditado, “nunca diga nunca”: eu achava que o Inter jamais seria campeão mundial…

  35. Camarada Rodrigo: ainda teve mais a besteira q o Odone falou na semana do Grenal, q ia “passar a máquina”, depois levou 4. KKK

    Camarada Rodrigo tem uma frase do Mario de Andrade q eu gosto mto e q diz o seguinte: “Não devemos servir de exemplo a ninguém. Mas podemos servir de lição.” Isso significa q eu aprendi a lição com aqueles q diziam q o Inter nunca ia ganhar nada fora das fronteiras do Brasil – algo q eu sempre disse q poderia acontecer na época das vacas magras – e por isso jamais afirmo q o Inter nunca cairá. Agora andam dizendo q o Inter ñ vai ganhar nunca mais. Ñ aprendem mesmo. KKK

    Espero q se um dia o Inter cair eu já esteja na terra dos pés juntos. Mas se acontecer e eu estiver aqui apenas teremos repetido o fiasco de vcs. Só isso! Mas o camarada já está dando como certo o rebaixamento do Inter no futuro. Cuidado o bumerang. KKK

  36. Camarada Rodrigo, sei q o nosso rebaixamento é o maior sonho de vcs atualmente – trocariam até título por isso – mas acho pouco provável q com esta diretoria sejamos rebaixados, a menos q ocorra uma quebradeira financeira sem precedentes no clube, o q tb é pouco provável já q o Inter ñ tem parceria.

    O Píffero é fraco mas pelo menos é consciente disso, tanto q correu atrás do Carvalho qdo o sapato apertou. E o Carvalho, q dizem q é quem manda, ficará aí pelo menos pelas próximas duas temporadas.

  37. O camarada se engana totalmente: não troco título algum por rebaixamento do Inter. Bem ao contrário dos colorados, que mesmo depois de ganhar Libertadores e Mundial se gabam mais por não terem caído para a Série B – dando a impressão de que eles mesmo consideram 2006 um ano atípico.

  38. Em 2007 qdo o Inter começou mal o Brasileirão e o Grêmio disputava vaga na Libertadores ouvi de vários gremistas: “troco a vaga na Libertadores pelo rebaixamento do Inter”. É o maior sonho de vcs nos dias de hoje!

    E ñ é para se orgulhar camarada? Apenas 5 clubes no Brasil nunca foram rebaixados e o Inter é um deles! Balançou 3 vezes mas ñ caiu! Ñ é para qq um!

    O camarada ñ sabe o q é ñ ser rebaixado! A sensação de alívio de se escapar da Segundona é tão grande q lembra a conquista de um título! É toda a História do clube q está colocada em honra naquele momento.

    Camarada Rodrigo lembramos vcs a todo momento da importância de 2006! Sempre q dizemos: “Inter Campeão de Tudo”, vcs sabem q 2006 está fortemente contido nesta expressão! Qdo a Conmebol e a imprensa do centro do país nos chamam de “o mais internacional dos clubes brasileiros” vcs sabem q 2006 está contido!

    Resumindo:

    1) Apenas 5 clubes brasileiros nunca visitaram o vale dos mortos. O Inter é um deles!
    2) Apenas um clube no Brasil tem TODOS os títulos disponíveis da Conmebol. O Inter é este time!
    3) Apenas um clube na América ganhou TODOS os títulos disponíveis no mundo. O Inter é este time!
    4) Vários clubes já foram tri campeões brasileiros, mas invicto só teve um. Este time é o Inter!
    5) Apenas um clube foi campeão gaúcho vencendo TODAS as partidas. O Inter é este clube!

    Como é bom ser Colorado!

  39. Apenas um clube ganhou uma Libertadores e na edição seguinte foi desclassificado na primeira fase: o Inter é este clube!
    Apenas um clube ganhou um Mundial em dezembro e foi desclassificado na primeira fase do Gauchão três meses depois: o Inter!

    Apenas cinco clubes brasileiros disputaram 10 ou mais Libertadores, e o Grêmio é um deles!
    Apenas quatro clubes brasileiros ganharam mais de duas Libertadores, e o Grêmio é um deles!
    Apenas um clube gaúcho ganhou duas vezes a Libertadores: o Grêmio!

  40. Camarada ñ se esqueça q faz pouco tempo q o atual campeão da Libertadores entra na fase de grupos. Antes ia direto pra fase de mata-mata.
    Claro q isso ñ justifica a campanha do Inter em 2007, q estava de porre do Mundial, mas pelo menos rendeu a Tríplice Coroa! Agora compare este ano feio do Inter com os de 1991 e 2004 do Grêmio. Vcs ganham de goleada na feiura! KKK

    A propósito:

    1) Qual o único clube q foi eliminado duas vezes, dentro de casa, em apenas 72 horas?
    2) Qual o único clube q foi campeão do 1º turno do Brasileiro e ñ foi campeão brasileiro?
    3) Qual o único clube q entregou um campeonato em q esteve 11 ptos à frente do adversário?
    4) Qual o único clube tido como grande q precisou de uma “Batalha” para voltar a Série A?
    5) Qual o único clube tido como grande q precisou de um inchaço de times na Série A para voltar do vale dos mortos?

    Pegando gancho em uma música do Cazuza q diz “somos iguais em desgraça” eu me permito corrigir dizendo: “ñ somos iguais em desgraça”, nesse quesito “nada pode ser maior” q o Grêmio, o time da piada pronta! KKK

  41. Tá… Então a tal “tríplice coroa”, uma invenção do Píffero para salvar o péssimo 1º semestre – e o próprio ano – de 2007, só foi conquistada porque o Inter FOI ELIMINADO da Libertadores??? Vale lembrar que o São Paulo também conquistou a tal da “tríplice coroa” – campeão da Libertadores e mundial em 1993, e da Recopa em 1994 – e eu NUNCA vi um são-paulino se gabar por causa disso. Mas, se é tão importante assim a tal “tríplice coroa”, então deixa que eu me exiba, tenho a “tríplice coroa” de FUTEBOL DE BOTÃO em 1992!
    O atual campeão da Libertadores entra na fase de grupos desde 2000 – ou seja, o primeiro foi o Palmeiras, campeão de 1999. Em nove edições jogadas assim, o ÚNICO campeão do ano anterior a ser eliminado na fase de grupos foi o Inter.

  42. Lembrando as campanhas gremistas nos anos gloriosos e nos seguintes.
    1983: Campeão da Libertadores e do Mundo
    1984: Vice da Libertadores (derrotado pelo maior campeão da história da competição, o INDEPENDIENTE, que tem SETE títulos)
    1995: Campeão da Libertadores
    1996: Eliminado na semifinal pelo América de Cali (quatro vezes finalista), mas com dois gols de um jogador dopado

  43. A Tríplice Coroa ñ foi invenção do Píffero até a Conmebol usou este termo na época: “Triplice Corona” disse a entidade na matéria.
    Ñ disse q ela foi consequência da eliminação mas q pelo menos neste ano fechamos a Tríplice Coroa ao passo q os Segundinos levaram uma sova na final da Libertadores e só ganharam o Gauchão. Como o vice da Libertadores e o eliminado na 1 fase vão pro mesmo lugar, …
    Resumo de 2007: Inter Tríplice campeão, Grêmio campeão gaúcho e surrado na final da Libertadores. Tendo em vista q o título da Recopa vale mais q o Gauchão fica evidente q no balanço o ano do Inter foi melhor q o do Grêmio.
    Ah parabéns pela Tríplice Coroa do botão! Cada um tem a Tríplice Coroa q consegue! Este ano por exemplo o Grêmio conseguiu uma Tríplice Coroa: Gauchão-Copa do Brasil e Brasileirão! Dançou nos 3! KKK

    Pô camarada levaram 3 do America, sendo 2 gols relâmpagos e agora vai chorar de doping? Por falar nisso e o Caju hein? Nem convidaram o cara pra festa do Toyotão. Será por causa q ele entregou q a “raça” do Grêmio em 83 foi regada a boletas?

  44. Camarada Rodrigo pq a Tríplice Coroa internacional do Colorado te perturba tanto? Será pq pensavas q nunca íamos ganhá-la? KKK

  45. Pois esses mesmos amigos nossos, são-paulinos, já te pagaram Rodrigo? Sim, pois tu ficou praticamente o campeonato inteiro guardando a vaga pro São Paulo chegar e pegar; como um bom flanelinha, cobre deles!!!

    O Rodrigo fala que nós, colorados, somos arrogantes. Mas pergunte a torcedores de outros times que moram fora do RS oque acham… Tenho amigos que estão dando como certo o título da Libertadores 2009. Motivo? Além da soberba natural dos segundinos (vou utilizar o merecido termo criado por nosso amigo Jorge), eles estão loucos para ganhar algo no ano do NOSSO centenário! Sabe como é né… o filho tem que dar um jeito para aparecer e ter atenção do Pai!

    Pra finalizar, existe soberba e preconceito maior do que “cantar” no estádio “Chora Macaco imundo, que nunca ganhou de ninguém”? Além de prepotentes, são racistas. Mas como nós colorados não nos abalamos por causa de besteiras vindas de nosso eterno freguês (20 vitórias a mais em greNAIS comprovam isso), estufamos o peito e dizemos: “Ah! Eu sou Macaco!!” Com Nílmar comemorando o gol do título da Copa Sul Americana ao fundo, para desespero dos azulejos!

  46. Isso é muito simples de responder, o odio ao corinthians existe porque ele é o maior e nunca será superado por nenhum outro clube…rsssss

  47. vcs ate tem mais estaduais que o todo poderoso mais em um estado que só tem 2 times se colocasse o Santo André ou Barueri pra jogar no rio grande já dificudava bastante agora falar que nos não temos títulos já e demais
    Mundial de Clubes FIFA 2000
    Campeonato Brasileiro 1990, 1998, 1999 e 2005
    Copa do Brasil 1995, 2002
    Supercampeonato Brasileiro 1991
    Camp. Brasileiro Série B 2008
    Torneio Rio-São Paulo 1950, 1953, 1954, 1966, 2002
    Campeonato Paulista 1914, 1916, 1922, 1923, 1924, 1928, 1929, 1930, 1937, 1938, 1939, 1941, 1951, 1952, 1954, 1977, 1979, 1982, 1983, 1988, 1995, 1997, 1999, 2001, 2003
    Taça Competencia 1922, 1923, 1924
    Taça Cidade de São Paulo 1922, 1942, 1943, 1947, 1948 e 1952
    Torneio Inicio do Paulista 1919, 1920, 1921, 1929, 1936, 1938, 1941, 1944, 1955
    Torneios Nacionais/Estaduais
    Torneio Quinela de Ouro
    Campeão do IV Centenário
    Taça São Paulo
    Torneio Laudo Natel
    Centenário da Independência
    Copa Bandeirantes
    Taça do Povo
    Taça Gov. do Estado SP
    Taça Cid. de Porto Alegre (RS)
    Torneio de Brasilia
    Pentagonal de Recife (PE)
    Triangular de Goiania (GO)
    Taça Ballor
    Taça Fasanello
    Taça Henrique Mundel
    Taça Pref. Munic. de São Paulo
    Taça Charles Muller
    Torneio das Missões
    Taça Piratininga
    1942 (Taça Supremacia)
    1954
    1962
    1973
    1922
    1994
    1971
    1977
    1983
    1958
    1965
    1967
    1923, 1924 e 1928
    1938
    1938 (Festival do São Paulo FC)
    1953
    1954 e 1958
    1953 (Taça Tibiriça)
    1968
    Torneios Internacionais
    Taça Cittá de Firenze (ITA)……….
    Pequena Taça do Mundo ………….
    Copa Cidade de Turim (ITA)
    Torneio Costa do Sol (ESP)
    Trofeu Apolo V (EUA)
    Copa da Feira de Hidalgo (MEX)
    Troféu Ramón de Carranza
    Torneio Int. Charles Muller (BRA)
    Copa do Atlântico
    Copa São Paulo (BRA)
    Copa das Nações (EUA)
    T. de Verão Cid. de Santos (BRA)
    Copa dos Campeões
    1929 (ao empório Toscano, Sudan Ovais e Prof. Caputto)
    1954 (Copa Pres. Marcos Perez Gimenez)
    1966, 1969
    1969
    1969 (Torneio de New York)
    1981
    1996
    1955
    1956
    1975
    1985
    1986 e 1987 (venceu os dois primeiros torneios)
    1986
    Outros Campeonatos
    Taça São Paulo de Juniores
    Taça dos Invictos
    Dallas Cup (Juniores)
    Copa Nike (Juniores)
    1969, 1970, 1995, 1999, 2004, 2005
    1956, 1957 e 1990
    1999, 2000
    2003
    Outras Taças e Troféus
    Nacionais
    Taça Mais Querido do Brasil (1955)
    Troféu Osmar Santos (2005)

    Interestaduais
    Char de la Victoire e Taça Vada (1928)
    Taça Apea (1930)
    Taça Aliança da Bahia (1936)
    Taça Prefeitura de Salvador (1936)
    Taça Linha Circular (1938)
    Taça de Campeões Rio-São Paulo (1941)

    Titulos Honorificos
    Galo da Várzea (1910, 1913)
    Campeão do Centenário (1922)
    Campeão dos Campeões do Brasil (1929)
    Tri tricampeão paulista
    Campeão Honorário do Brasil: Torneio Rio-São Paulo (1950)
    Fita Azul do Futebol Brasileiro (1952)
    Campeão Internacional dos Invictos(1954)
    Campeão dos Centenários (1922 e 1954)
    Campeão Paulista do Século XX
    Estaduais
    Taça Beneficência Espanhola (1915, 1916); Taça Cronistas Esportivos (1916); Taça oferecida pelo dr. Alcântara Machado (1916); Taça oferecida pelo sr. Celinho Ambrósio (1917); Taça Amílcar Barbuy (1919); Taça União Brasil (1919); Taça 47 (1919); Taça Neco (1920); Taça Doutor Arnaldo Vieira de Carvalho (1920); Taça Prefeitura Municipal de Guaratinguetá (1920); Taça Ida (1921); Taça Antarctica (1921); Taça ao Preço Fixo (1921); Taça Sacadura Cabral e Gago Coutinho (1922); Taça Cântara Portugália (1922); Taça Joalheria Castro (1925); Taça Guido Giacominelli (1925); Taça Agência Ford (1925); Taça Studebaker (1925); Taça Lacta (1926); Taça Centenário do Uruguai (1926); Taça Guanará Espumante (1926); Taça Francisco Rei (1926); Taça Apea (1926); Taça De Callis (1926); Taça Elixir de Cabo Verde Composto (1926); Taça Adamastor (1926); Taça Fábrica de Gelo Vila Mathias (1927); Taça Sarmento Beires (1927); Taça Ribeiro de Barros (1927); Taça Tipografia Carvalho (1927); Taça O Comerciário (1927); Taça Almirante Sousa e Silva (1929); Troféu Washington Luís (1930); Taça Ministro do Chile (1928, 1931); Troféu Liga Paulista (1939); Taça Duque de Caxias (1941); Taça Manoel Domingos Corrêa (1942); Troféu Bandeirante (1954); Troféu Lourenço Fló Júnior (1962) e Taça da Solidariedade (1994)

  48. O Corinthians é uma religião, Não da para explicar.
    Agradeço a Deus todos os dias por ser corinthiano.
    Só quem é corinthiano, consegue entender esta paixão.

  49. Ao amigo gremista que se referiu ao Corinthians como TIMAO, por causa de Timao de navio está enganado, pois, muitos já falaram isso e tente procurar no simbolo do CORINTHIANS um Timao de navio. Na verdade é TIMAO, por que é Povao, e é grande, e como tal é TIMAO.

  50. chupa gauchada! vcs tao com inveja d nós apenas isso
    melho procurar uma terapia
    DA-LHE DA-LHE CORINGÃO EÔ

    • Normalmente eu não deixaria um comentário desses passar, mas como vocês estão em festa – e com toda a justiça (toma, Fernando Carvalho!) – eu abri uma exceção.

  51. O fato de o Corinthians não conquistar os tais títulos de grande expressão, como dizem, é como um nó, muito apertado e difícil de ser desfeito, mas não impossível. Acho eu que, para os adversários (ou invejários), no dia em que o Corinthians ganhar uma Libertadores, que seja, toda essa graça de odiar o Corinthians acaba. Corinthians para o futebol está como Chicago Bulls para o basquete, Ferrari para o automobilismo, Marlboro para os fumantes, Estados Unidos para os países pobres, Microsoft para os usuários de informática, etc, etc, etc…Mesmo que um dia não existir mais time de futebol no Corinthians e, continuar existindo o clube, o brasão, irá continuar existindo os corinthianos…Um abraço!!!

  52. O CORINTHIANS TEM UMA LEGIAO MUITO GRANDE DE ANTI-CORINTHIANOS SIM,MAS NAO SE EMPOLGUEM PORQUE O MAIS INVEJADO AINDA E O FLAMENGO.

  53. Oi,Feliz 2010 a todos! Bem eu penso q todas as torcidas são fanáticas, alucinadas por seu time, etc. Acho q o Corinthians é um time detestado no Brasil, não pela torcida ou o q ela faz,pois todas fazem o seu melhor, mas sim pela própria arrogância do paulista, não só o torcedor, mas a mídia q só faz propaganda do Corinthians contribui muito para isso.E sinceramente não creio em inveja deste time,até , pq cada um tem o seu e seria muita pobreza de espíritoter inveja de um time q não simpatizamos, no mínimo ridículo. Acho q o Corinthians representa o ranso dos paulistas, algo a ver com o comportamento , não do torcedor, mas o time foi “eleito” tipo um : anti-paulistas, não q todos sejam tudo isso, mas , infelizmente, qd um paulista fala algo de seu estado, parece q o mesmo nasceu pronto…a análise está supérflua,mas para mim o caminho é este.Dá-lhe Inter!

  54. Em todo lugar se fala do Alvinegro Absoluto.. as outras torcidas que nos tornam maiores do que somos.. por isso não somos modestos.. hahahahahahahahaahahah

  55. o outros tem inveja porque o cotinthians é time grande e eles querem alcançar o jogo q o timão joga

  56. VC’S ODEIAM O TIMÃO, PORQUE VC’S TEM INVEJA, NENHUMA TORCIDA É TÃO FIEL COMO NÓS.

  57. Se juntar tds os clubes do País nao da um Corinthians, ser corinthiano é uma dadiva concebida por Deus.Futebol sem Corinthians é Romeu sem Julieta, sol sem calor,e todo mundo sabe que o Corinthians é diferente sim….Obrigado por existir Corinthians.

  58. Msm o Corinthians sem Libertadores e sem Mts Titulos ainda é o Mais Invejado e o Mais Odiado do Brasil xD

    Como isso Pode ? Pq não Zoaa o Santoss ???

    Mts de Outros Times Viram Corinthiano pq? Ah sim Inveja aiushuiahsiuahsiuhaius xD

  59. Pingback: O Cão em 2010 « Cão Uivador

  60. A verdade é que o Corinthians se julga o melhor e mais importante time do brasil, só que um time não é importante se não tem libertadores e mundiais, quando o meu inter perdepro mazembe(adimito por alto confiança demais) eles não pararam de falar nisso e fazer piada, falam até hoje, mas oque eles nã entendem é que pelo menos nós fomos pro mundial duas vezes( na primeira vencemos o melhor time do mundo) mas eles nem fazem idéia de como é um mundial,mal sabem como é ganhar uma libertadores, Corinthians se acha o melhor mas na verdade é um dos piores(se não o pior) time brasileiro, não vou nem comentar a robalheira de 2005 contra o inter(claro o juiz roubou pro corinthians

    Ps: Quando o Corinthians chegar num mundial e vencer um time grande como o inter fez aí sim eles podem se vangloriar.

  61. admitam não conseguem entender a torcida pq ela nunk abandona o time ao inves de se preocuparem com seu time gastam seu tempo inventando piada. A torcida corintiana só quer paz e ver seu time sempre crescendo independente de titulos o corithians pode não ter libertadores mas como explica então a derrota do santos por 7×1 ou a do são paulo por 5xo acho que se importasse nao não perderiam para o time sem liber ainda mas de goleada não somos mas q ninguem e temos sim chances de enfrentar qualqr time brasileiro de igual pra igual o corinthians vem crescendo muito e logo demore ou não será o time brasileiro a ser batido!!!

  62. Não compre produtos de quem patrocina o corinthians na globo, ESPN, e sportv só assim terminaremos com o monopólio.

Os comentários estão desativados.