Vergonhoso

Poderia dizer que a maioria das pessoas que foram à cerimônia de abertura dos Jogos Pan-Americanos, no Maracanã, e vaiaram o Lula, são muito mal-agradecidas. Pois o Governo Federal deu bastante dinheiro para que as obras ficassem prontas a tempo.

Mas eu digo que os que vaiaram o Lula são mesmo é mal-educados. Nunca me esqueço de quando fui ao Desfile Farroupilha pela primeira vez. O governador do Rio Grande do Sul era o Alceu Collares, criticadíssimo principalmente por causa da questão da educação. Quando o carro oficial chegou à Avenida Loureiro da Silva, o meu pai, que toda hora criticava o Collares, começou a aplaudir. Estranhei, e ele explicou que mesmo sendo contra o governo, aplaudia o governador porque o Desfile Farroupilha era para homenagear o Rio Grande do Sul, não para vaiar o Collares que, gostássemos ou não dele, era o governador eleito pelo povo gaúcho.

Aliás, as vaias ao Lula foram a maior prova do desperdício de dinheiro que é esse Pan no Rio de Janeiro. Se gastou uma puta grana, nove vezes mais do que o previsto pelo orçamento inicial, ao invés de se resolver os graves problemas que assolam a cidade, o que motivou um protesto em frente ao Maracanã. Sem contar a questão nacional que é a necessidade de investir na educação. Ela faz muita falta ao Brasil: o público presente à abertura do Pan é a maior prova disso.

———-

E não bastassem as vaias ao Lula, leio que o público debochou do presidente da ODEPA (Organização Desportiva Pan-Americana) – entidade que designou o Rio de Janeiro para sediar o Pan. É o Brasil dando vexame pro mundo todo ver.

Anúncios

4 comentários sobre “Vergonhoso

  1. Os cariocas e os não cariocas que podem estar numa sexta de tarde no Maracanã, pagando ingressos caros e raros, não são tão representativos da população.
    Diria que são remanescentes da “velha corte imperial” brasileira…
    E ainda são uma platéia prepotente e muito mal educada.

  2. Achei uma grande demonstração de falta de educação as vais na abertura do Pan Rio/2007. Infezlizmente, faltou ao público consciência para saber que ali, além de estar o político Lula (em quem muitos ali prersentes votaram nas duas eleições, nos quatro turnos)estava a figura do Chefe de Estado, que é uma instituição digna de repeito. Seria a mesma coisa que vaiar o hino nacional ou a bandeira. O melhor momento de vaiar o Lula é não votar nele ou no seu partido nas próximas eleições. Além de mais educado é bem mais eficiente.

  3. Não estou de acordo com as vais para o presidente na abertura do Pan. Os cariocas não tem o direito ou não estão numa posição de aproveitar da cerimonia, que foi mostrada mundialmente, para vaiar o presidente. Outra coisa, é o que demonstramos para outros paises, ou seja, demonstramos uma nação desunida e partindo de um povo que é visto como SEXO, DROGAS E ROCK´N ROLL.

Os comentários estão desativados.